0

quinta-feira, 5 de maio de 2011

Brincos, piercings e tatuagens.

"Possuo brincos, piercings e tatuagens e sou reprimido pela igreja, quem está errado, eu ou a igreja?"


"Corro pra um lado e pro outro, e por todos os lados estão me reprimindo."

É um tema delicado, mas respondendo a pergunta que dá início ao post, a resposta de cara é a igreja, qualquer igreja está errada se ela recusar a entrada de pessoas que queiram ouvir a palavra de Deus (ou mesmo que não queiram, estejam só de passagem), pois iria contrário ao que Jesus fala sobre a gente pregar o evangelho, sem contar que mesmo se a pessoa estivesse pecando, "Se Deus te chamou, você virá a Ele; e Ele, de modo nenhum te lançará fora" ,se nem Deus recusa as pessoas quando chamadas a igreja, quem seremos nós para rejeitar alguém.


Porém fora da igreja, se você usa brincos exagerados, piercings e tatuagens muito a mostra, você não pode forçar alguém a aceitar você por ter essas coisas. Todos nós sabemos que o que conta é o que tem por dentro, mas muitas não vão achar essas coisas bonitas e realmente as pessoas tem liberdade e a opção de querer não ficar perto de pessoas com essas coisas e como foi você que fez, você também terá que engolir a seco se alguém não te aceitar fora da igreja por motivos como esse, eu por exemplo, realmente teria uma grande dificuldade de deixar minha filha namorar com um cara cheio de piercings e tatuado, claro que iria conhece-lo melhor, mas é quase inevitável ter uma primeira impressão um pouco estranha (não, eu não tenho filha ainda haha), pessoas não são obrigadas a aceitar todas as pessoas, claro seria um pré-julgamento focado na aparência, mas poucos fora da igreja entendem isso, mas na casa do Senhor você será sempre bem vindo.

Mas voltando para o cristianismo, a Bíblia condena marcar o corpo no velho testamento em levítico 19:28 "E não vos deveis fazer cortes na carne em prol duma alma falecida e não deveis fazer tatuagem em vós. Eu sou Jeová.", mas as leis do velho testamento não precisam mais serem seguidas, Jesus veio e quebrou essa lei e nos ensina que somos salvo pela fé e que muito mais vale a nossa intenção do que propriamente o ato, o que temos agora são princípios (isso não quer dizer que vamos jogar o velho testamento fora, tem muita lei no antigo testamento boa, mas a partir dos princípios que nos temos "as leis", algumas leis ainda são seguidas por que a base estão nos princípios do Cristianismo, porém já existem outras que não são mais necessárias, as pessoas estavam mais preocupadas com as leis do que com os princípios e pessoas, foi por isso que Jesus falou tanto sobre os fariseus). Jesus fala sobre alguns princípios, Paulo fala sobre outros e por aí vai. Princípio não é uma lei, mas uma base e tudo o que você for fazer tem que está baseado nesses princípios, tipo "como não se deixe dominar", "cuidado para que a sua liberdade não seja de tropeço para os fracos", "quer comais, quer bebais, faça qualquer outra coisa para a glória de Deus" e por aí vai.
Como vou saber se vai estar dentro ou fora do princípio?
Aí é você com Deus, reveja suas intenções, peça ajuda ao Espírito Santo e aos líderes da sua igreja, nesse post não vou dar uma resposta, mas mandarei umas perguntas. Será que você não está colocando essas coisas pra alguma motivo maléfico? Será que o que estou tatuando não pode derrubar os fracos na fé? e por aí vai, tenham cuidado e muita sabedoria.

Que Deus me abençoe e a vocês também.
Comentários
1 Comentários

Um comentário:

  1. Parabéns pelo post, me edificou pra caramba. DEUS te abençoe.

    ResponderExcluir